2 de dez de 2011

Reflexões sobre a Bíblia

Páginas e páginas poderiam ser aqui transcritas de pensamentos notáveis sobre o valor da Palavra de Deus, muitas histórias verídicas poderiam ser contadas do seu poder transformador na vida humana, mas fiquem apenas estes magníficos pensamentos:

1. A famosa poetisa chilena Gabriela Mistral, prêmio Nobel de Literatura, quando ainda jovem deixou na página inicial de sua Bíblia estas expressivas palavras:


“Meu livro, livro em qualquer tempo e a qualquer hora, bom e amigo para o meu coração, forte e poderoso companheiro. Tu me tens ensinado a forte beleza e a singela candura, a verdade simples e terrível em breves cantos. Meus melhores companheiros não têm sido pessoas de meu tempo, mas as que tu me deste: Davi, Rute, Jó, Raquel e Maria. Juntamente com os meus, estes são toda a minha gente, os que rondam em meu coração e em minhas orações, os que ajudam a amar e a sofrer. Escapando aos tempos viestes a mim, e eu, imergindo nas épocas estou contigo, sou tua como um dos que trabalharam, sofreram e viveram em teu tempo e tua luz.”

Não seria esta atitude para com o Livro Santo um dos segredos da sua sublime inspiração poética?

2. O Imperador da Abissínia, S. M. Hailé Selassié, em visita à Casa da Bíblia, em Nova Iorque, escreveu no Livro de Impressões dos Visitantes as seguintes palavras:

“A Bíblia não é somente um grande livro de referências históricas, mas é também um Guia para a vida diária, e por esta razão eu a respeito e amo.”

3. Napoleão Bonaparte – o notável gênio militar da França – reconheceu o valor da Palavra de Deus com o seguinte pensamento:

“A alma jamais pode vaguear sem rumo, se tomar a Bíblia para lhe guiar os passos.”

4. Três ex-presidentes dos Estados Unidos assim se expressaram:

“É impossível governar perfeitamente o mundo, sem Deus e sem a Bíblia.” – George Washington

“Aceite desse livro tudo o que possa fazê-lo com a razão, o restante com fé, e você viverá e morrerá melhor homem.

“Creio que a Bíblia é o melhor presente que Deus já deu ao homem. Todo o bem da parte do Salvador do mundo, nos é transmitido mediante esse livro.” – Abraão Lincoln

“Quase todo o homem que, pelo trabalho de sua vida adicionou alguma coisa à soma dos empreendimentos humanos, dos quais a raça se orgulha, quase sempre este homem baseou o trabalho de sua vida amplamente nos ensinamentos da Bíblia.” – Theodoro Roosevelt

5. O honrado e magnânimo Imperador do Brasil, D. Pedro II, declarou sobre o livro sagrado:

“Eu amo a Bíblia, eu leio-a todos os dias e, quanto mais a leio tanto mais a amo. Há alguns que não gostam da Bíblia. Eu não os entendo, não compreendo tais pessoas, mas, eu a amo, amo a sua simplicidade e amo as suas repetições e reiterações da verdade. Como disse, eu leio-a quotidianamente e gosto dela cada vez mais.”

6. O preeminente filósofo Emanuel Kant disse sobre a Bíblia:

“Que o homem progrida quanto quiser, que todos os ramos do conhecimento humano se desenvolvam ao mais alto grau, coisa alguma substituirá a Bíblia, base de toda a cultura e de toda a educação.”

“É minha fé na Bíblia que me serviu de guia em minha vida moral e literária. Quanto mais a civilização avance, mais será empregada a Bíblia.”

7. Coelho Neto, o mais exuberante dos escritores brasileiros, deixou sobre a Palavra de Deus sublimes pensamentos, destacando-se este trecho:

“Livro de minha alma aqui o tenho: é a Bíblia. Não o encerro na biblioteca, entre os de estudo, conservo-o sempre à minha cabeceira, à mão. É dele que tiro o pão para a minha fome de consolo, é dele que tiro a luz nas trevas das minhas agonias.”

8. Daniel Webster: “Se existe algo nos meus pensamentos ou no meu estilo que se possa elogiar, devo-o aos meus pais que instilaram em mim, desde cedo, o amor pelas Escrituras. Se nos ativermos nos princípios ensinados na Bíblia, nosso País continuará prosperando sempre. Mas se nós e nossa posteridade negligenciarmos suas instruções e sua autoridade, ninguém poderá prever a catástrofe súbita que nos poderá sobrevir, para sepultar toda a nossa glória em profunda obscuridade.”

9. Patrick Henry: “A Bíblia vale a soma de todos os outros livros que já se imprimiram.”

10. John Quincy Adams: “Tão grande é a minha veneração pela Bíblia que, quanto mais cedo meus filhos começam a lê-la, tanto mais confiado espero que eles serão cidadãos úteis à pátria e membros respeitáveis da sociedade. Há muitos anos que adoto o costume de ler a Bíblia toda uma vez por ano.”

11. Dorace Greeley: “É impossível escravizar mental ou socialmente um povo que lê a Bíblia. Os princípios são os fundamentos da liberdade humana.”

12. Robert E. Lee: “Em todas as minhas perplexidades e angústias a Bíblia nunca deixou de me fornecer luz e vigor.”

13. Isaac Newton: “Há mais indícios seguros de autenticidade na Bíblia do que em qualquer história profana.”

14. Thomas Huxley: “A Bíblia tem sido a carta magna dos pobres e oprimidos. A raça humana não está em condições de dispensá-la.”

15. George Müller: “O vigor de nossa vida espiritual está na proporção exata do lugar que a Bíblia ocupa em nossa vida e em nossos pensamentos. Faço esta declaração, solenemente, baseado na experiência de cinqüenta e quatro anos.

“Nos primeiros três anos após minha conversão, negligenciei a Palavra de Deus. Desde que comecei a pesquisá-la diligentemente, tenho sido maravilhosamente abençoado.

“Já li a Bíblia cem vezes, e sempre com maior deleite. Cada vez se me apresenta um livro novo.

“Grande tem sido a bênção recebida do seu estudo seguido, diligente e quotidiano. Considero perdido o dia em que não me detive a meditá-la.”

16. H. M. S. Richards, orador emérito da Voz da Profecia, escreveu muitos pensamentos sobre a Bíblia, como estes dois:

“A Bíblia é o mais poderoso instrumento que o pregador pode ter. Com ela falo com confiança à mais sofisticada ou mais degradada ou mais incrédula das pessoas”.

“O alimentar-se da Palavra realmente faz o Pregador”.

17. “As Santas Escrituras devem ser aceitas como autorizada, e infalível revelação . . . Elas são a norma do caráter, o revelador das doutrinas, a pedra de toque da experiência religiosa.” (O Grande Conflito, pp. 8 e 10).

18. Papa Pio VI: “Os fiéis devem ser incitados à leitura das Sagradas Escrituras, porque é a fonte mais abundante da verdade, e que deve permanecer aberta a todas as pessoas, para que dela tirem a pureza de moralidade e de doutrina, para destruir inteiramente os erros que se espalham tão largamente nestes tempos corruptos.”

19. J. J. Rosseau: “Eu confesso que a majestade das Escrituras me abisma, e a santidade dos evangelhos fala ao meu coração. Vede os livros dos filósofos com toda a sua pompa, quanto são pequenos à vista deste! Pode-se crer que um livro tão sublime e, às vezes, tão simples, seja obra dos homens.”

20. Napoleão Bonaparte: ”O evangelho não é simplesmente um livro, mas uma força viva – um livro que sobrepuja a todos os outros. A alma jamais pode vaguear sem rumo, se tomar este livro para seu guia.”

Prezado amigo, você conhece a Bíblia? Lê diariamente alguma porção deste maravilhoso livro? Crê que é através dela que chegamos a Cristo, que nos dá a salvação e a vida eterna?

Amemos a Bíblia, fazendo nossas as palavras do salmista: “Lâmpada para os meus pés é a Tua palavra, e luz para o meu caminho” Sal. 119:105).

Encontrei algures os seguintes pensamentos sobre o Livro Sagrado que nos serão úteis:

A Bíblia foi escrita por quarenta homens diferentes, de pescadores e lavradores a profetas e reis, num período de aproximadamente 1.600 anos. Embora esses escritores diferissem em cultura e posição social, e tivessem vivido em países e épocas diferentes, escreveram apenas um livro, o qual revela unidade e harmonia do começo ao fim. A mensagem desse livro, embora moldada segundo o estilo e a individualidade dos homens que Deus usou, é uma mensagem divina, não do homem. Somente no Velho Testamento os escritores bíblicos utilizaram mais de 2.600 vezes a expressão “Assim diz o Senhor”. Essa insistência demonstra de modo inequívoco a sua convicção de que estavam falando não por si mesmos, mas inspirados por Deus.

O Novo Testamento confirma tais afirmações em textos como estes: II S. Pedro 1: 21; II Tim. 3:16.

Isto significa que quando lemos a Bíblia, ouvimos Deus falando a nós, como se estivéssemos ouvindo-O audivelmente. Significa que se rejeitamos a Bíblia, rejeitamos a voz de Deus. E rejeitar sua voz é rejeitar o amoroso oferecimento que Ele nos faz – vida eterna através de Jesus Cristo, Seu filho.

Aproximadamente uma quarta parte da Bíblia é profética, e há mais de mil profecias separadas e distintas nela registradas. A maioria delas já se cumpriu, com exatidão absoluta. Outras estão se cumprindo em nossa geração, ou se cumprirão no futuro.
Bíblia É O Livro por Excelência

Ela é:

“A magna carta de toda verdadeira liberdade; a verdadeira precursora da civilização; a moderadora das instituições e dos governos; a formadora das leis; o segredo do progresso nacional; o guia da história; o ornamento e fonte essencial da literatura; a amiga da ciência; a inspiradora dos filósofos; o compêndio da Ética; a luz da inteligência; a resposta aos desejos mais íntimos do coração humano; a alma de toda a vida cordial e religiosa; a luz que resplandece nas trevas; a inimiga da opressão; a adversária da superstição; a desarraigadora do pecado; a reveladora de tudo o que é elevado e digno; o consolo na aflição; a fortaleza na debilidade; a senda na perplexidade; o refúgio na tentação.”

Pedro Apolinário, História do Texto Bíblico, Capítulo 3.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...